Esporte e Saúde

11 de maio de 2016

Para o praticante do skate manter uma boa saúde e um bom condicionamento físico, é necessário ter um programa de treinamento eficiente, deve-se levar em consideração os principais fatores que afetam as melhoras induzidas pelo treinamento, são eles: o nível inicial de aptidão, a freqüência, a intensidade e a duração do treinamento. O desequilíbrio nutricional pode ocorrer quando a prática do esporte é excessiva, e não acompanhada por um aumento compatível dos alimentos ingeridos. Cuidados básicos devem ser observados para que se alcance qualidade durante a execução dos exercícios.

 Dicas:

  • evitar fazer exercícios e andar de skate sob o sol forte;
  • usar bonés e protetor solar;
  • tomar água moderadamente antes, durante e depois da prática física;
  • usar roupas leves, claras e ventiladas;
  • usar tênis confortáveis e macios;
  • não fazer exercícios em jejum, mas evitar comer demasiadamente antes da atividade física. Para obter um bom desempenho nos treinamentos, procurar se alimentar corretamente, de forma balanceada. No dia-a-dia não passar longos períodos sem se alimentar. Evitar chá, café e álcool, pois podem causar uma indesejável diminuição da eficiência muscular.
  • antes das atividades, o alongamento não deve ser intenso, pois a função do mesmo é apenas preparar a musculatura para a atividade. Deve-se alongar principalmente os músculos que serão utilizados de imediato, e após a atividade, o alongamento deve ser um pouco mais detalhado, já que tem como objetivo agir diretamente no músculo para a manutenção do comprimento da fibra muscular;
  • o aquecimento deve durar de 5 a 20 minutos, utilizando 50% da sua capacidade máxima de condicionamento. Os objetivos deste preparo são o aumento da temperatura corporal e a melhora da flexibilidade, evitando lesões nas regiões a serem estimuladas pelo exercício, tais como: distensão muscular, desgaste da cartilagem interarticulares, dentre outras. Porém a maior contribuição do aquecimento é proporcionar a musculatura uma maior imigração sanguínea que é responsável pela nutrição muscular. Quando fazemos o aquecimento estamos nutrindo a musculatura para que ela esteja pronta para a prática do esporte.
  • para minimizar o risco de lesões, é importante associar ao programa de atividade física um trabalho de fortalecimento muscular;
  • executar corretamente os exercícios orientados por profissionais qualificados;
  • ao terminar a prática da atividade, não parar bruscamente, e sim diminuir progressivamente a intensidade da atividade. Com isso se obtém um estado de relaxamento do sistema nervoso central, aumentando a descontração da musculatura e otimizando a recuperação metabólica.

Leve em consideração algumas destas dicas,  para que no futuro não ocorra a interrupção da prática do skate.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *